• RSS
  • Facebook
  • Twitter
  • Linkedin
  • Youtube

Amor (Liderança)

Postado por Marco Fabossi julho - 3 - 2011 5 Comentários

Era uma vez um sujeito que viveu amorosamente toda a sua vida. Serviu a Deus e ao próximo com amor e integridade, e quando morreu foi levado ao céu. Naquela época, o céu não havia ainda passado por um programa de Qualidade Total, e a recepção não funcionava muito bem. A recepcionista que o recebeu deu uma olhada rápida nas fichas em cima do balcão e, como não viu seu nome na lista, lhe orientou a ir para ao inferno. Ele ficou surpreso e decepcionado, mas não tinha muito que fazer.

No inferno, como era de esperar, ninguém exige crachá ou convite. Qualquer um que chega é convidado a entrar. Então o sujeito entrou lá e foi ficando, mas alguns dias depois, Lúcifer chegou furioso às portas do Paraíso para tomar satisfações com Deus:

– Isso não é justo! Nunca imaginei que o Senhor fosse capaz de uma baixaria como essa. Isso que o Senhor está fazendo é puro terrorismo!

Sem saber o motivo de tanta raiva, Deus perguntou, surpreso, do que se tratava. Lúcifer, transtornado, desabafou:

– Você mandou aquele sujeito para o inferno e ele está fazendo a maior bagunça lá. Ele chegou escutando as pessoas, olhando-as nos olhos, conversando com elas. Agora, está todo mundo dialogando, se abraçando, se confraternizando. O inferno está insuportável, parece o Paraíso!

E então fez um apelo:

– Deus, por favor, pegue aquele sujeito e traga-o agora para cá!

Viva com tanto amor no coração que, se por engano você for parar no inferno, o próprio Lúcifer lhe trará de volta ao Paraíso.

No livro Coração de Líder, eu falo um pouco sobre o significado do amor na liderança. Quem age com o Coração de Líder aprende que o amor não nasce apenas do sentimento, mas principalmente da decisão de amar alguém por enxergar nessa pessoa um ser humano que, como ele, também precisa de ajuda, decidindo servi-la, estar atento às suas reais necessidades, seus interesses e seu bem-estar, independentemente do sentimento que possa alimentar por ela.

É por isso que amar não é apenas um sentimento, mas uma decisão. Amar é colocar-se à disposição das pessoas e procurar o seu bem-estar. Para o verdadeiro líder, o amor é muito mais que um sentimento, é uma atitude que traduz e reproduz o seu verdadeiro interesse pela vida das pessoas, demonstrando que o amor é, na verdade, o que o próprio amor faz.

As pessoas apenas esperam que seu líder demonstre seu amor por meio de atitudes simples como encontrar um pouco mais de tempo para ouvi-las e tratá-las com o devido respeito e importância; elas esperam que você trabalhe no sentido de aumentar a confiança e diminuir o controle, servindo-as, ajudando-as, influenciando-as para o bem e atendendo suas reais necessidades, porque mais importante que saber o que é o amor, é entender o que o amor faz. Ele faz aos outros, aquilo que gostaríamos que outros fizessem a nós.

Um grande abraço,

Marco Fabossi

Veja outros textos do Blog da Liderança
.
Marco Fabossi
Marco Fabossi é Sócio-Diretor da Crescimentum, a mais completa empresa de formação de líderes do Brasil.
Crescimentum – Alta Performance em Liderança
.
Livro Coração de Líder
Adquira o livro Coração de Líder – A Essência do Líder-Coach em
Um dos Melhores Livros de Liderança do Brasil
.
Líder do Futuro
O melhor programa de formação de líderes do Brasil.
Líder do Futuro – A Transformação em Líder-Coach
.
Vídeos sobre Lideranca e Motivação
Vídeos sobre Liderança e Motivação
Vídeos – Liderança e Motivação
.
Blog da Liderança
Textos sobre Liderança, Motivação, Trabalho e Equipe e Coaching:
Os Melhores Textos sobre Liderança
.
Como criar um Blog Grátis
Dicas de Felipe Fabossi para criar o seu próprio blog em apenas 2 passos
Como Criar um Blog Grátis

5 Respostas até agora.

  1. Sônia disse:

    Grande lição que o nosso líder maior já nos deu quando esteve por aqui.

  2. agnaldo batista disse:

    como faço para adiquiri o livro