• RSS
  • Facebook
  • Twitter
  • Linkedin
  • Youtube

O Líder nasce Líder? (Liderança)

Postado por Marco Fabossi junho - 30 - 2012 10 Comentários

Conta-se que o legislador grego Licurgo foi convidado a proferir uma palestra a respeito de Educação. Ao aceitar o convite, pediu o prazo de seis meses para preparar-se. O fato causou certa estranheza, já que Licurgo era uma referência no tema, e teoricamente não precisaria de tanto tempo para preparar-se.
Passados os seis meses, Licurgo compareceu à assembléia, postou-se à tribuna e chamou duas outras pessoas, cada uma carregando duas gaiolas. Em cada gaiola havia um animal, sendo duas lebres e dois cães. Em seguida, abriu-se a porta de uma das gaiolas e a pequena lebre saiu correndo, com medo. A seguir, outra gaiola foi aberta, e o cão saiu em disparada no encalço da lebre. Alcançou-a e trucidou-a rapidamente.
Todos estavam chocados com a cena. Ninguém conseguia entender o que Licurgo queria provar com tal agressão. Sem abalar-se, Licurgo sinalizou para que a outra lebre fosse libertada, e a seguir, o outro cão.
O povo mal continha a respiração. Alguns, mais sensíveis, levaram as mãos aos olhos para não ver a reprise da morte bárbara do indefeso animalzinho que corria e saltava pelo palco. Foi quando o cão investiu contra a lebre, bateu-lhe com a pata e ela caiu. Logo a lebre ergueu-se e se pôs a brincar com o cão, e para surpresa de todos, os dois seguiram brincando, saltitando de um lado a outro do palco, enquanto Licurgo comentava:
– Senhores, acabais de assistir a uma demonstração do que pode a educação. Ambas as lebres são filhas da mesma matriz, foram alimentadas igualmente e receberam os mesmos cuidados. Assim, igualmente, os cães. A diferença entre os primeiros e os segundos é, simplesmente, a educação, a maneira como foram criados, portanto, se existe algo que pode transformar o mundo em um lugar melhor, esse “algo” é a educação. Eduquemos nossos filhos, esclareçamos sua inteligência, mas, antes de tudo, falemos aos seus corações, lembrando-os que a sabedoria consiste em nos tornarmos melhores a cada dia.

John Maxwell, uma das maiores autoridades mundiais em liderança, em seu Livro de Ouro da Liderança, menciona o seguinte: “Não mande patos para uma escola de águias”, e entre outras coisas, diz que líderes são descobertos, e não transformados. Segundo John Maxwell, patos não se tornam águias e analogicamente não adianta gastar tempo e esforço tentando transformar em líderes “pessoas que não têm perfil para liderança”. Apesar do grande respeito e admiração que tenho por John Maxwell, não posso concordar com essa afirmação.
Animais, como gansos, águias, cães e lebres, têm seu comportamento e características determinados pelo DNA de sua espécie, e mesmo assim podem ser educados e desenvolvidos. Se este mesmo determinismo genético se aplicasse aos seres humanos, melhor seria nos conformarmos em ser aquilo que nossos pais e avós foram um dia, parar de lutar por novas possibilidades e deixar que nosso futuro seja então determinado pelo passado. Mas nós somos muito maiores que isso!
Os seres humanos passam por experiências que mudam sua forma de pensar e agir; seres humanos aprendem, ensinam, trocam experiências, ajudam, são ajudados, cometem erros, perdem, ganham, amam e são amados, enfim, se transformam todos os dias, e por isso seria ilógico dizer que não somos capazes de passar por um processo que nos permita desenvolver-nos, transformarmo-nos e nos tornarmos pessoas e líderes melhores.
Qualquer ser humano, desde que esteja disposto, pode tornar-se mais efetivo como pai, mãe, filho, namorado, cônjuge, amigo, vendedor, gerente, diretor, presidente e líder. Ninguém está fadado a ser sempre do mesmo jeito, podendo ser ele mesmo o agente de sua própria transformação que apenas depende de desejo, decisão, disciplina, empenho e perseverança.
Por isso, liderança não é apenas um dom, mas uma habilidade, e como tal, pode ser aprendida. Essa afirmação não contradiz o fato de que existem pessoas com aptidões naturais e fatores genéticos que favorecem a liderança, contudo, elas são muito poucas para que o mundo dependa delas. E ainda que essas pessoas tenham maior facilidade em desenvolver suas habilidades inatas de liderança, primeiro precisarão decidir por assumir o papel de líder, já que a história está repleta de líderes natos que foram para o túmulo sem nunca haver tomado esta decisão.
Nem todos se tornarão líderes porque nem todos desejam tornar-se líderes, mas todos possuem a semente da liderança em suas vidas, portanto, parafraseando John Maxwell, mais frustrante que mandar patos para a escola de águias é mandar águias para a escola de patos, porque todos nós almejamos por vôos mais altos.
De fato, a única pessoa que pode impedi-lo de tornar-se um grande líder é também aquela que pode fazer a grande diferença: Você!

(Trecho extraído e adaptado do Livro Coração de Líder, de Marco Fabossi)

.

Adquira o seu Exemplar do Livro Coração de Líder

de Marco Fabossi

O Livro que vai revolucionar a sua Liderança

.

.

Um grande abraço,

Marco Fabossi

Veja outros textos do Blog da Liderança
.
Marco Fabossi
Marco Fabossi é Sócio-Diretor da Crescimentum, a mais completa empresa de formação de líderes do Brasil.
Crescimentum – Alta Performance em Liderança
.
Livro Coração de Líder
Adquira o livro Coração de Líder – A Essência do Líder-Coach em
Um dos Melhores Livros de Liderança do Brasil

Líder do Futuro – Artigos sobre Liderança
Artigos sobre Liderança dos Consultores da Crescimentum
Artigos sobre Liderança.
.
Líder do Futuro
O melhor programa de formação de líderes do Brasil.
Líder do Futuro – A Transformação em Líder-Coach
.
Vídeos sobre Lideranca e Motivação
Vídeos sobre Liderança e Motivação
Vídeos – Liderança e Motivação
.
Blog da Liderança
Textos sobre Liderança, Motivação, Trabalho e Equipe e Coaching:
Os Melhores Textos sobre Liderança

10 Respostas até agora.

  1. Sônia disse:

    É isso não devemos desistir e nos acomodar as circunstâncias,mas devemos modificá-las,tendo disposição para aprender e desenvolver o nosso potencial.

  2. Maira disse:

    Eu acredito na Educação como a libertação do enclausuramento chamado ignorância que gera preconceito, medo, acomodação, críticas, mas não desenvolvem seres capazes de mudar a sua realidade ou começar a ver estímulo para transforma-la num mundo melhor, começando de uma simples frase: – BOM DIA!

  3. Jorge disse:

    Impressionante como seu comentários engrandecem a história rsss! Super Abraço Marco

  4. Maria Emília disse:

    Acho incrível sua capacidade de analise da capacidade do ser humano, concordo plenamente com vc,só nunca tinha parado para pensar sobre isso, mas é inegável que quando se tem disciplina, perseverança se alcança o mais alto dos topos. Cair faz parte da história, levantar-se faz parte de nós.
    Maravilhoso,

    Abraço.

  5. Rita disse:

    Muito bom, mas não concordo, acho que o liderança ta na pessoa, conheço muito gente que adora ser mandada, e quando você tenta delegar algo é um sofrimento.
    Tem pessoas que você segura, outras você empurra!!!
    Abç

    • Marco Fabossi disse:

      Oi Rita, tudo bem? Obrigado pela participação no blog e por sua opinião. No fundo, estamos falando a mesma coisa. Por isso digo: Nem todos se tornarão líderes porque nem todos desejam tornar-se líderes, mas todos possuem a semente da liderança em suas vidas, portanto, parafraseando John Maxwell, mais frustrante que mandar patos para a escola de águias é mandar águias para a escola de patos, porque todos nós almejamos por vôos mais altos.
      De fato, a única pessoa que pode impedi-lo de tornar-se um grande líder é também aquela que pode fazer a grande diferença: Você!
      Somente os que realmente desejam é que se tornarão grandes líderes.
      Abraços,

      Marco Fabossi

  6. Arádini disse:

    Acredito que o verdadeiro Líder, é aquele que é capaz de aprender com suas falhas e fracassos.Não se nasce Líder, o que acontece hoje é que as pessoas andam dizendo e se iludindo a respeito aquilo o que as pessoas querem que você seja. Concordo que não adianta investir em pessoas que não tenham o perfil, más também sou a favor de que devemos deixar os verdadeiros Líderes,assumirem o seu posto.Olhem ao redor de vocês, quantos Líderes lhes cercam?!

    Devemos dar a oportunidade as pessoas a mostrarem seu :

    C- onhecimentos
    H- abilidades
    A- titudes…

  7. Marcia disse:

    Eu sou supervisora e é exatamente essa a minha filosofia, por isso me identifico muito com os textos do Marco, acho que não PODEMOs dizer a uma pessoa o que ela é ou pode ser, mas sim educá-la para que ELA escolha o que quer ser e ai vamos descobrir se será um lider ou não, mas ela vai fazer a opção e não ficar imaginando ou se sabotando acreditando que não pode. Obrigada Marco por nos trazer esses temas para autoavaliação.

  8. ÉDER AZEVEDO DE MOURA disse:

    TODOS TEM A CAPACIDADE DE SEREM LIDERES PORQUE NINGUEM NASCE SABENDO TUDO E APRENDIDO E COPIADO PORTANTO TODOS TEM A MESMA CAPACIDADE AFINAL TODOS SOMOS HUMANOS IMPERFEITOS.