• RSS
  • Facebook
  • Twitter
  • Linkedin
  • Youtube

O Líder Tubarão (Liderança)

Postado por Marco Fabossi Março - 5 - 2011 4 Comentários

Os japoneses adoram peixe fresco, mas as águas perto do Japão não produzem muitos peixes há décadas, levando os japoneses a aumentarem o tamanho dos navios pesqueiros para que pudessem pescar cada vez mais longe. Como as viagens eram longas, os barcos eram equipados com congeladores que conservavam os peixes, porém, os consumidores conseguiam notar a diferença entre peixe fresco e peixe congelado. Foi então, que as empresas de pesca decidiram instalar tanques nos navios pesqueiros, para que os peixes pudessem chegar “frescos” aos consumidores.

Como os tanques eram apertados, depois de certo tempo, pela falta de espaço, os peixes paravam de se debater e não se moviam mais. E apesar de estarem vivos, chegavam cansados e abatidos, causando a perda de gosto e frescor, que também refletia no sabor do peixe, desagradando o consumidor japonês.

Para conservar o gosto de peixe fresco, as empresas japonesas decidiram seguir usando os tanques, mas adicionam um pequeno tubarão dentro de cada um deles. O tubarão comia alguns peixes, mas a grande maioria chegava “muito viva” e fresca no desembarque, porque ele os desafiava e os mantinha em movimento constante dentro dos tanques.

Ninguém se desenvolve numa Zona de Conforto, por isso, uma das principais responsabilidades de um líder que se preocupa verdadeiramente com o crescimento e desenvolvimento de sua equipe, é agir como um tubarão no tanque de peixes, conduzindo seus liderados para a Zona de Aprendizagem, mantendo-os o tempo todo em movimento, desafiando-os a contribuir com ideias que tragam melhores resultados para a equipe e para a organização, incentivando-os a buscar maneiras mais eficazes de fazer as coisas e, principalmente, delegando.

Algumas perguntas podem nos ajudar a identificar o que podemos delegar:

  1. O que você está fazendo que não precisa ser feito?
  2. O que você está fazendo que poderia ser feito por outra pessoa?
  3. O que você está fazendo que só você pode fazer?
  4. O que você deveria fazer que não está fazendo?

Ao responder sinceramente a estas perguntas conseguimos identificar algumas tarefas que podem ser delegadas, bem como aquelas que não fazemos porque, em geral, estamos ocupados fazendo o que nossa equipe deveria fazer.

Assista ao vídeo de Marco Fabossi sobre delegação:


Fast Tube by Casper

Um grande abraço,

Marco Fabossi

Clique aqui e veja outros textos do Blog da Liderança
.
Como Melhorar a Posição do Seu Site no Google
Dicas de Felipe Fabossi para melhorar a posição de seu site no Google
www.doseo.com.br
.
Marco Fabossi
Marco Fabossi é consultor da Crescimentum, a mais completa empresa de formação de líderes do Brasil.
www.crescimentum.com.br
.
Livro Coração de Líder
Adquira o livro Coração de Líder – A Essência do Líder-Coach em
www.coracaodelider.com.br
.
Vídeos sobre Lideranca e Motivação
Vídeos sobre Liderança e Motivação:
www.youtube.com/blogdofabossi
.
Blog da Liderança
Textos sobre Liderança, Motivação, Trabalho e Equipe e Coaching:
www.blogdofabossi.com.br

4 Respostas até agora.

  1. Marco,
    Lendo esse texto, me senti desafiado a ser um Líder Tubarão, que Deus me ajude!!!

  2. Marco,
    Maravilhoso o vídeo sobre DELEGAÇÃO… Cada vez mais, vejo o quanto ainda tenho a aprender… Muitas vezes DELEGUEI COISAS PRA BEBÊS!!! O resultado não foi nada bom… Agora que aprendi, creio que não repetirei o erro… MAIS UMA VEZ, MUITO OBRIGADO.

  3. Simone disse:

    Marco

    Parabéns, amei e inclusive vou usufruir o material para alguns Diretores…

    Gostaria de receber videos e textos diversos.

    Obrigada,