O Cachorro e o Açougueiro (Liderança)

 Um açougueiro estava em sua loja e ficou surpreso quando um cachorro entrou. Ele o espantou, mas logo o cãozinho voltou.

Novamente ele tentou espantá-lo, mas viu que o animal trazia um bilhete na boca.

Pegou o bilhete e leu:

– Pode me mandar 12 salsichas e uma perna de carneiro, por favor?

Junto com o bilhete havia uma nota de R$ 50,00. Ele então pegou o dinheiro, separou as salsichas e a perna de carneiro, colocou em uma embalagem plástica, junto com o troco, e pôs na boca do cachorro.

O açougueiro ficou impressionado e como já era mesmo hora de fechar o açougue, decidiu seguir o animal.

O cachorro desceu a rua, quando chegou ao cruzamento deixou a bolsa no chão, pulou e apertou o botão para fechar o sinal. Esperou pacientemente com o saco na boca até que o sinal fechasse e ele pudesse atravessar a rua.

O açougueiro e o cão foram caminhando pela rua, até que o cão parou em uma casa e pôs as compras na calçada.

Então, bateu a cabeça na porta algumas vezes, mas ninguém respondeu na casa. Então, ele circundou a casa, pulou um muro baixo, foi até a janela e começou a bater com a cabeça no vidro várias vezes.

Depois disso, caminhou de volta para a porta, e foi quando alguém a abriu e começou a bater no cachorro.

O açougueiro imediatamente correu até essa pessoa e a impediu, dizendo:

– Por Deus do céu, o que você está fazendo? O seu cão é um gênio!

A pessoa respondeu:

– Um gênio? Esta já é a terceira vez nesta semana que este estúpido esquece de levar as chaves!

 

As pressões do dia a dia são tantas que muitas vezes colocamos nossa atenção no “ordinário” e nos esquecemos do “extraordinário”. Fixamos nossos olhos nos problemas, nos defeitos e no incompleto, e perdemos a chance de ver e valorizar as pessoas pelo que elas são, e não apenas pelo que têm ou fazem.

 

O líder é aquele que ajuda as pessoas a se tornarem seres humanos e profissionais melhores a cada dia, através de um feedback sincero a respeito daquilo que precisa ser melhorado, mas principalmente valorizando e potencializando as principais dessas pessoas.

 

Clique aqui e veja as outras mensagens do Blog do Fabossi

                                                                                         

Um grande abraço,

 

Marco Fabossi

 

6 comentários sobre “O Cachorro e o Açougueiro (Liderança)

  1. Achei muita ingratidão com o pobre cachorrinho, mas é a realidade mesmo, essa coisas acontecem mas não deveria!!!!!!!

  2. eu trab. em equipe, muitas vezes este é um ex; q acontece. olhamos muito os outros e esquecemos de olhar nossas atitudes, só vimos os defeitos dos outros. mas nem sempre estamos certo. talvez é p/ fugir dos nossos defeitos. amei é muito linda grande abraço.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *